Polarização dos Elementais



O amor eternal na consciência do encarnado é o ensejo ao fluir das transmutações, das emoções enfermiças e dilacerantes que o tempo da alma acumulou e carregou pela soma do que foi guardado negativamente na forma de potência interior e destrutiva. É na polarização de nossos elementais que nos encontraremos no fogo primordial do relativismo em que a alma vivente na pulsão animal e bruta respirará, e neste anti-horário da vida, no balé do xirê a inversão cega inverterá a direção escolhida.



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo